Educación patrimonial, turismo e inclusión social: acciones para promover el ejercicio de la ciudadanía.

Autores/as

DOI:

https://doi.org/10.25145/j.pasos.2020.18.013

Palabras clave:

patrimonio, turismo, educación, ejercicio de la ciudadanía, memoria

Resumen

El propósito de este artículo es analizar iniciativas educativas desde dos sitios fortificados en América Latina – el conjunto de Fortificaciones al norte de la Isla de Santa Catarina [Brasil] y el Barrio Histórico de Colonia del Sacramento [Uruguay]. Se observó cómo estas acciones socio-educativas, instrumentadas por el turismo, repercuten en sus respectivas comunidades locales promoviendo el ejercicio de la ciudadanía y la inclusión social. Se trata de una investigación de campo y documental realizada para una tesis de maestria defendida en la Universidad Federal de Santa Catarina

Biografía del autor/a

Maria Inés Travieso Rios, Universidade Federal de Santa Catarina

Mestre em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), na área de concentração: Urbanismo, História e Arquitetura da Cidade. Graduada em Arquitetura e Urbanismo. Exerce docência desde 2008. Interesses acadêmicos direcionados nas áreas da Arquitetura e Urbanismo [Teoria, arquitetura urbana e patrimônio arquitetônico-urbano], História da Arte e do Design.

Margarita Nilda Barretto Angeli, Universidade Federal de Santa Catarina

Museóloga, com Doutorado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1998), Mestrado em Educação pela Universidade Estadual de Campinas (1993) e Graduação em Turismo pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (1984). Fez estágio de Pós Doutorado em Antropologia na UFSC (2002). É professora universitária e pesquisadora do CNPq Nivel 1C. Leciona a disciplina Metodologia da Pesquisa na pós graduação das faculdades de Arquitetura da UFSC (Brasil) e da UBA (Argentina). Tem experiência na área de Educação, e suas pesquisas tem focado a cultura, o turismo e o patrimônio assim como os estudos de antropologia do turismo. Está pesquisando os processos de turistificação do patrimônio nas missões de São Miguel Arcanjo (RS), San Ignacio Mini (Misiones, Argentina) e a partir desde ano incluirá a Calera de las Huérfanas, Uruguai, recentemente incorporada ao conjunto missioneiro). Membro efetivo da ABA- Associação Brasileira de Antropologia. Membro do conselho editorial de revistas nacionais e internacionais de turismo e cultura. Em 2016 graduou-se como Bacharel em Museologia para direcionar seus estudos ao tema PATRIMÔNIO, relacionando-o ao turismo, à arquitetura e à educação. Atuou também como professora e orientadora convidada nas universidades argentinas UBA, UNT e UNC. Foi fundadora do Grupo de Pesquisa CulTuS- Cultura, Turismo e Sociedade, atualmente desativado.

Descargas

Publicado

2020-04-15

Cómo citar

Travieso Rios, M. I., & Barretto Angeli, M. N. (2020). Educación patrimonial, turismo e inclusión social: acciones para promover el ejercicio de la ciudadanía. PASOS Revista De Turismo Y Patrimonio Cultural, 18(2), 189-205. https://doi.org/10.25145/j.pasos.2020.18.013